Resumo do Capítulo: Família e Vida escolar



5 de março de 2013





Para Bee (1996), a participação da família na vida escolar dos filhos é muito importante. Quanto mais os pais sabem do que se passa com os filhos na escola, o que o mesmo está estudando, o que acontece na sua vida escolar, mais elementos eles terão para formar uma boa parceria com a escola, no acompanhamento da criança.
A família tem a função de proteger os seus membros, garantindo condições dignas e favorecer a adaptação à vida social dando suporte para a criança no processo escolar, proporcionando uma relação baseada no respeito mútuo.
De acordo com Freire (1999) é por meio da família que o ser humano pode chegar a completar o complicado processo de socialização. O aprendizado que nela se realiza permitira adquirir valores e aprender as funções sociais, que permitirá a prática desse aprendizado.Ainda Freire (1994) ao propor uma reflexão sobre "Escola e família: uma relação de ajuda na formação do ser humano" constata que é tarefa primordial tanto dos pais, como também da escola o trabalho de transformar a criança imatura e inexperiente em cidadão maduro, participativo, atuante, consciente de seus deveres e direitos, possibilidades e atribuições. E que esse ser em formação seja futuramente um cidadão consciente, crítico e autônomo, desenvolvendo valores éticos, espírito  empreendedor capaz de interagir no meio em que vive.
  Para tanto, família e escola devem aproveitar, ao máximo, as possibilidades de estreitamento de relações, porque o ajuste entre ambas e a união de esforços para a educação das crianças e adolescentes deve redundar, sem dúvida nenhuma, em elemento facilitador de aprendizagens e de formação do cidadão. 

Google+ Followers

Fale comigo!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Arquivos do Blog